Serviço de emissão e validação do Diploma Digital é lançado

- 16/12/2020

Ao apagar das luzes de 2020, um lançamento decisivo para a implantação da inovação tecnológica que promete revolucionar o meio acadêmico. Essa solução é o Diploma Digital, uma solução desenvolvida pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), em parceria com o Ministério da Educação (MEC), que permite gerar, registrar, autenticar e preservar a versão digital de diplomas acadêmicos, em conformidade com as normas do MEC e registrados em blockchain. Com a novidade, além de modernizar os processos de emissão de diplomas e dispensar a emissão e arquivamento de documentos de papel, é possível garantir a autenticidade dos diplomas digitais e evitar quaisquer falsificações e irregularidades. 

Até o fim de 2021, todas as Instituições de Ensino Superior (IES) deverão gerar os diplomas de graduação no novo formato. Para iniciar a adaptação e integração dos sistemas acadêmicos das IES à solução, na última quarta-feira (16/12), aconteceu com o lançamento do Serviço de Emissão de Diploma Digital e do Portal Validador Nacional. “Sejam todos bem-vindos a esse novo tempo de inovação e transformação digital!”, vibrou o Ministro da Educação, Milton Ribeiro, na cerimônia. O evento marcou a primeira etapa da implementação do Diploma Digital, que será concluída com a adesão de todas as instituições federais de educação superior à solução: 69 universidades e 41 instituições de Educação Profissional e Tecnológica, segundo o MEC.

O líder da pasta continuou:

Ministro-Educação-Milton-Ribeiro

Na oportunidade, o Ministro anunciou também que, em 2021, serão lançados mais dois ambientes eletrônicos, também desenvolvidos pela RNP: “Um para validação de documentos emitidos pelas IES que já tenham aderido ao serviço de emissão e registro de diploma digital e outro para visualização de históricos acadêmicos”, compartilhou. 

O Secretário de Educação Superior, Wagner Vilas Boas, dirigiu agradecimentos aos profissionais das instituições consideradas “chave” para o sucesso do lançamento:
 

Wagner Vilas Boas

 

Nelson Simões, diretor-geral da RNP, representou a organização e afirmou que a solução é uma combinação entre tecnologia, competências dos grupos de pesquisa das universidades brasileiras, invenção e inovação.

Nelson Simões, diretor-geral da RNP

As Universidades Federais da Paraíba (UFPB) e do Rio Grande do Norte (UFRN) foram pioneiras. São as primeiras instituições brasileiras a implantarem a solução e já estão aptas a emitirem os diplomas digitais dos estudantes concluintes. No evento, um ato simbólico oficializou o lançamento: o Ministro Milton Ribeiro validou o diploma digital de Vanessa Caroline Nascimento, a mais nova bacharela em Ciências Contábeis, formada pela UFPB.

O reitor da instituição paraibana, Valdiney Gouveia, comemorou o marco: 

Reitor da UFPB, Valdiney Gouveia

Um vídeo demonstrativo exibido na cerimônia, produzido pela UFRN, apresenta como o serviço funciona:

Menos papel. Mais segurança, transparência, praticidade e economia

Diploma-Digital

 

A solução de Diploma Digital garante mais agilidade ao modernizar o processo de emissão e registro dos diplomas de graduação, dispensando a emissão e arquivamento de documentos de papel. Como a ferramenta possui certificação digital, controles de segurança e os diplomas digitais são registrados em blockchain, a autenticidade dos diplomas é assegurada e evita quaisquer falsificações e irregularidades, passo fundamental na revolução digital do ensino no Brasil.

A integridade e interoperabilidade dos dados é garantida e, os interessados conseguem consultar a legitimidade dos documentos gerados, propiciando maior transparência. A redução de custos é outra vantagem: como a solução é contratada em escala, torna-se mais econômica. 

Após a emissão, o diploma digital é guardado com segurança em múltiplas réplicas em repositórios sincronizados para preservação digital, na instituição emissora e no repositório em nuvem do MEC, com acesso sempre que necessário, garantido o acesso ao diploma.

A RNP atua no desenvolvimento do Portal de Validação Nacional para armazenamento e consulta dos diplomas digitais das IES que já estejam integradas à solução, na oferta de infraestrutura necessária para a guarda e preservação do diploma e documentos associados e no apoio consultivo para integração dos sistemas acadêmicos nas IES. 

O desenvolvimento

Diploma Digital


 

;