Seções
Texto

Programa Internet Brasil

Texto

A RNP executa o programa do Governo Federal criado por meio de uma medida provisória em dezembro de 2021, que teve o texto sancionado e se tornou a lei 14.351/22 no final de maio de 2022. Ele vai entregar, gratuitamente, chips de banda larga móvel para milhares de alunos matriculados na educação básica da rede pública de ensino cadastrados no CadÚnico.

Saiba mais
Imagem
Menino celular
Texto

O papel da RNP

Texto

A RNP é executora do programa e, para a primeira fase, montou uma equipe multidisciplinar responsável por desenvolver, integrar e implementar o Internet Brasil. O trabalho é coordenado pela equipe de soluções, mas também conta com a área de compras, contratos e suprimentos para contratar fornecedores, como logística, fabricação dos chips e fornecimento do pacote de dados; um time que desenvolve a plataforma de gestão do projeto pensando na melhor usabilidade para o usuário; profissionais de marketing, comunicação e atendimento, que se comunicam com o público do projeto; entre muitos outros. Todas essas entregas vão compor no futuro a transferência de conhecimento para o Ministério das Comunicações (MCom), que é responsável pelo programa.

Baixe o documento em PDF com a atuação da RNP no projeto

Texto

Sobre a
Prova de Conceito (PoC)

Texto

O Internet Brasil será implementado de maneira gradual, sendo a primeira fase a Prova de Conceito (no inglês, PoC), que pretende distribuir chips com serviço de dados (internet) em seis municípios do Nordeste: Caicó (RN), Campina Grande (PB), Caruraru (PE), Juazeiro (BA), Mossoró (RN) e Petrolina (PE). O programa é uma iniciativa do Ministério das Comunicações (MCom), com apoio do Ministério da Educação (MEC).

Resultados das chamadas para fornecedores

Texto

Números da PoC

Imagem
Até 10 mil alunos conectados
Imagem
6 cidades em quatro estados do nordeste
Texto

Tecnologia adotada

Texto

Os alunos receberão chips neutros (e-SIM Cards), o que possibilitará  remotamente a RNP  definir a operadora a ser utilizada. Dessa forma, o programa não ficará dependente de  uma empresa contratada (e, por consequência, do seu chip), podendo se conectar à rede 3G e 4G mais adequada em cada região.

;