Você já pode assistir à programação da TV Brasil pelo Vídeo@RNP

O portal Vídeo@RNP está viabilizando a transmissão em tempo real da programação da TV Brasil. Isso foi possível por meio de uma parceria entre a RNP e a Empresa Brasileira de Comunicação (EBC), que agora é cliente do serviço de Transmissão de Sinal de TV. Com isso, a TV Brasil poderá ter maior visibilidade, ao ampliar seus espectadores ao público do portal – que teve mais de dois milhões de acessos em 2017, além da possibilidade de diminuir custos na contratação de banda para distribuir esse conteúdo.

“Estreitar o relacionamento entre a EBC e a RNP nos dá a oportunidade de aproveitar a infraestrutura que a organização tem para melhorar a divulgação do nosso conteúdo para sociedade. Além disso, a EBC tem como missão montar, gerir e estimular a Rede Pública de Televisão, composta por emissoras públicas de TV e canais universitários, já presentes no portal da RNP. Já temos uma afinidade de conteúdo com as TVs universitárias, que, em muitos casos, transmitem parte da nossa programação e, em outros, nos apoiam enviando conteúdo para veicularmos. Por isso, considero muito natural essa parceria entre a EBC e a RNP”, ressaltou o gerente-executivo de Sistemas de Informação e Comunicação da EBC, Adriano Adoryan.

A aproximação com a EBC teve início em novembro de 2017, e, no mês seguinte, foram realizados testes de compatibilidade e a transmissão já entrou em produção, junto às atualizações realizadas no portal. O processo é simples: um computador conectado à internet codifica o sinal de TV de uma emissora e o distribui via web, a partir da infraestrutura de Rede de Vídeo Digital (RVD). Os equipamentos servidores que compõem essa rede são chamados de refletores, porque atuam como repetidores do vídeo que está sendo transmitido.

Para o gerente de Serviços da RNP, Marcelino Cunha, ter a TV Brasil como cliente do serviço de transmissão é um privilégio e um desafio. “Passamos a ter no serviço uma TV com programação 24 horas e exigência de alta qualidade e alta disponibilidade. Isso será um bom teste para o nosso serviço, além de nos auxiliar para a melhoria contínua do mesmo”, destacou Marcelino.