PUC-RS passa a integrar ambiente de experimentação Fibre

A Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS) é a mais recente instituição a integrar o testbed Fibre, plataforma para pesquisas em redes de computadores. Dessa forma, professores, alunos e pesquisadores da universidade poderão usar a ferramenta para desenvolver novas arquiteturas de internet e no ensino de redes, além de poder interagir com outros grupos de pesquisa dessa área do conhecimento.

Segundo o pesquisador da PUC-RS, Tiago Ferreto, a iniciativa para fazer parte do Fibre surgiu do Grupo de Pesquisa em Redes, Infraestrutura e Computação em Nuvem (GRIN) da universidade. Localizada no Laboratório de Alto Desempenho (LAD) da PUC-RS, a ilha em operação é capaz de criar máquinas virtuais e realizar experimentos em âmbito local e federado, ou seja, em conjunto com outras instituições participantes.

Para Tiago Ferreto, o principal benefício é a possibilidade de realizar experimentos em uma infraestrutura real de larga escala, o que contribui para aumentar a qualidade das pesquisas desenvolvidas na área de redes de computadores. “As principais vantagens em participar no Fibre são estimular o interesse dos alunos de graduação e pós-graduação pelo uso em sala de aula e interagir com outros grupos de pesquisa na área de redes que também participam do Fibre”, afirmou.

Entre os dias 12 e 17/11, as instalações da PUC-RS, da Universidade Federal da Bahia (UFBA), da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e da RNP viabilizaram uma demonstração da plataforma Kytos, de redes definidas por software (SDN), organizada pela Universidade Estadual Paulista (Unesp) durante a conferência anual Supercomputing, que ocorreu em Denver, nos Estados Unidos.

O Fibre (Future Internet Brazilian Environment for Experimentation) é um ambiente formado por 15 ilhas de experimentação distribuídas em território nacional. Até outubro de 2017, a plataforma recebeu 324 usuários provenientes de 55 instituições. O testbed pode ser utilizado em áreas de pesquisa como Redes Definidas por Software (SDN), Virtualização de Funções de Redes (NFV), Virtualização de Redes, Algoritmos Distribuídos, redes sem fio, Internet das Coisas, entre outras.

Foto: Faculdade de Informática da PUC-RS.