Projeto Disseminação Ginga capacita profissionais na América do Sul

Projeto capacita profissionais em países como Equador e Chile

O projeto Disseminação Ginga, uma parceria da RNP com o Ministério das Comunicações (MC), está realizando capacitações para profissionais de TV de emissoras e universidades federais em quatro países da América do Sul: Equador, Chile, Peru e Uruguai. O objetivo é desenvolver aplicações interativas para TV Digital no padrão brasileiro do middleware Ginga NCL, composto por um conjunto de tecnologias com infraestrutura para aplicações na linguagem NCL (Nested Context Language). 

Os primeiros contemplados com o treinamento foram os equatorianos e chilenos que, no mês de agosto, receberam aulas de professores da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), co-responsáveis pela criação do Padrão Ginga, cujo objetivo é estimular o desenvolvimento do padrão nacional de interatividade para a televisão digital brasileira. No total participaram 54 alunos (28 no Chile e 26 no Equador).

Essa iniciativa visa fortalecer as ações da RNP junto às políticas públicas de TV Digital, em especial a Política Nacional para Desenvolvimento de Conteúdos Criativos, dentro do Programa Ginga Brasil, que promove a capacitação de profissionais no desenvolvimento de conteúdos e aplicações interativas de TV Digital no padrão Ginga-NCL e a implantação de laboratórios de testes destes materiais. Também desenvolve uma rede experimental que interliga os Ginga BR.Labs, laboratórios criados em dez emissoras públicas, com capacitação de técnicos, produtores ou diretores das entidades selecionadas no uso e desenvolvimento de aplicações e conteúdos interativos baseados no Ginga.