Confiança como vetor para negócios inovadores

Confiança como vetor para negócios inovadores

Quando precisamos realizar uma transação com segurança, em geral, usamos um intermediário como garantia. E se pudéssemos fazer transações diretamente sem uma terceira parte confiável?

A resposta não é recente, mas há dez anos pesquisadores precisavam garantir que usuários não gastassem duas vezes a moeda digital. Para isso, desenvolveram uma solução que viabilizou a segurança da moeda digital, chamada bitcoin. O trabalho deu tão certo que evoluiu para atuação em serviços bancários, passando a auxiliar entidades financeiras, trazendo segurança em transações e reduzindo o custo operacional dos bancos.

Blockchain é atualmente um forte vetor de transformação digital, que pode ser visto como um banco de dados distribuído (‘digital ledger’) ou livro-razão para registro de transações. Sua concepção parte da premissa de eliminar intermediários certificadores, baseando-se em algoritmos de consenso para estabelecer qual deve ser o registro reconhecido por membros de uma rede.

Este novo paradigma pode ser visto mais além do que uma tecnologia habilitadora, pois novos modelos de negócio passam a emergir no ciberespaço, alavancando uma revolução na forma como os serviços podem ser prestados. Os registros de dados e informações destes novos serviços podem deixar de ficar armazenados em apenas um local e passam a existir de forma distribuída e imutável por diversos computadores de uma rede pública ou privada.

A Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) promoverá nos dias 6 e 7 de maio, a 20ª edição de seu workshop (WRNP), que debaterá em seu painel em conjunto com Simpósio Brasileiro de Computação (SBRC) a temática: Blockchain, governo e lições apreendidas. Adicionalmente, na área de expositores deste evento uma solução de Diplomas Digitais que vem sendo desenvolvida na Universidade Federal da Paraíba (UFPB) estará sendo demonstrada como exemplo de serviço piloto baseado no uso combinado das tecnologias de blockchain, certificação digital e preservação digital.

Junto com a comunidade de ensino e pesquisa, somos parte chave da transformação digital para viabilizarmos as inovações necessárias e as mudanças associadas.

“Se você quer verdadeiramente entender algo, tente mudá-lo. A mudança em uma parte influencia a mudança do conjunto em sua totalidade.” Kurt Lewin

André Marins, gerente de Pesquisa e Desenvolvimento da RNP